Triste...

0

Triste.
Ele estava com as mãos nos bolsos e tinha um olhar triste, como se tivesse procurando estrelas.  Me perguntei porque? se a tantas estrelas no céu! não pude ver nenhuma lagrima descendo no seu rosto, mas seu rosto o denunciava que lagrimas passaram por ali a pouco tempo. As luzes dos portes estavam enfraquecidas e fazia frio Parecia tudo se encaixar como num belo e triste filme que eu desconheço e não ariscaria adivinhar o final.

(AUTOR DEILSOM AMORIM)

0 comentários:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

Loading...