Paixão.

0
Paixão

Paixão que me acalma e atormenta
Vira um sonho mesmo eu acordado
Também é um rio de água turbulenta
Que sinto muita vez ter naufragado

Mas ali,a meio a profundeza
Ao sentir minh'alma quere partir
O coração consegue a proeza
De me mostrar razão para sorrir

E de paixão, fera ferida, louca
O cálido soprar de tua boca
Faz no remanso, descansar a dor

E quando me bate a solitária hora
Que a alma me sorri e também chora
Eu sei não ser paixão, mas sim amor!!!!

(Herlânder Lobão)

0 comentários:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

Loading...