Pensamento.

3
 Posso ter defeitos, viver ansiosa e ficar irritada algumas vezes mas, não esqueço de que minha vida é a maior empresa do mundo, e posso evitar que ela vá à falência.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise. Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história.
È atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma.
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida. Ser feliz é não ter medo dos próprios setimentos. É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um não. É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.
Pedras no caminho?
Guardo todas, "um dia vou construir um castelo..."

Fernando Pessoa.

“A gente pode
morar numa casa mais ou menos,
numa rua mais ou menos,
numa cidade mais ou menos,
e até ter um governo mais ou menos
A gente pode
dormir numa cama mais ou menos,
comer um feijão mais ou menos,
ter um transporte mais ou menos,
e até ser obrigado a acreditar mais ou menos no futuro.
A gente pode
olhar em volta
e sentir que tudo está mais ou menos...
TUDO BEM!!
O que a gente não pode mesmo,
nunca, de jeito nenhum...
é amar mais ou menos,
sonhar mais ou menos,
ser amigo mais ou menos,
namorar mais ou menos,
ter fé mais ou menos,
e acreditar mais ou menos.
Senão a gente corre
o risco de se tornar
uma pessoa mais ou menos.”

Chico Xavier


Desatei os nós.
Libertei pequenos sentimentos que agigantavam ressentimentos.
Esvaziei os bolsos da culpa.
Me desfiz de algemas disfarçadas de pesados acessórios.
Joguei fora velhos discursos, falsas estórias, rostos desbotados, há tempos guardados.
Vasculhei meus labirintos sem medo.
Reencontrei velhos fantasmas que não mais me amedrontavam.
Encontrei as chaves que aprisionavam o perdão.
Quebrei as paredes dos porões da alma, para respirar, para deixar a luz entrar.
Deixei de querer ser mártir, vítima, personagem.
Me comprometi com a verdade.
Essa verdade que não se mostra em fotos sorridentes.
Fiz as pazes com a serenidade.
Reconstrui minha casa na árvore.
Parei de sabotar minha felicidade.



Amo a liberdade, por isso deixo livre tudo que tenho.. Se voltar é por que conquistei, se partir é por que nunca possuí !!!!


Sintonize sua vibração...
      Não há tempo pra viver em vão...
      E não pense mais em desistir...      Existe um mundo que só quer te ver sorrir!

3 comentários:

Jeferson Cardoso disse... [Responder Comentário]

Olá Evany!
O dom da vida é a maior bênção de Deus! Ser grato à vida, sempre...
Bom final de semana!

Quero lhe convidar para ver e comentar ‘OS POMBOS DA PRAÇA XV E OS CHINESES DA HONG KONG’ no http://jefhcardoso.blogspot.com

“Que a escrita me sirva como arma contra o silêncio em vida, pois terei a morte inteira para silenciar um dia” (Jefhcardoso)

Evany Bastos disse... [Responder Comentário]

Obrigado Jeferson por sua visita, que lindo sua poesia, pode deixa passarei no seu blog, vou seguir voce tambem, amo poesia, romance, principalmente autores nacionais.
Obrigado pelo carinho.
Abraco.
Evany.

Jeferson Cardoso disse... [Responder Comentário]

Obrigado por seu carinho e atenção aos pombinhos de meu blog! Beijo e abraço!

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

Loading...